fevereiro 26, 2024 03:37

Vice de Chico Preto ‘Tenente Cezar Pitbull’ é conhecido por ser ‘bruto’ na corporação e nas ruas

spot_img

Escolhido candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo vereador Chico Preto, o tenente-coronel da Polícia Militar, Augusto Cezar Silva de Menezes, 46, também chamado de ‘Tenente Cezar Pitbull’, é conhecido dentro da corporação e também nas ruas da capital amazonense como “bruto”, em relação às ações policiais. 

De acordo com informações apuradas pelo O Poder, o tenente-coronel, que posa em fotos ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), foi classificado por algumas pessoas próximas e que já trabalharam com o PM, como bastante “bruto” e também chegaram a descrevê-lo com o termo “escroto”. 

‘Escândalo’ 

Segundo informações levantadas pelo O Poder, o tenente-coronel Augusto Cezar foi exonerado do Comando de Policiamento de Área (CPA) Sul, onde estava há meno de três meses, em dezembro de 2019, por não conseguir explicar como cinco militares, que estavam sob o seu comando, saíram da área de jurisdição (a Manaus Moderna, no Centro da cidade) para praticar ato de extorsão a um empresário, no município de Rio Preto da Eva, na região metropolitana de Manaus.

O fato, que aconteceu no início de dezembro de 2019, envolvia ainda o então presidente do Sindicato dos Feirantes, David Lima da Silva, que foi candidato a deputado federal nas eleições de 2018, pelo Avante. Ele foi preso junto com os policiais, acusados de extorsão de R$ 50 mil de um empresário. 

Político 

Envolvido com política, o tenente Cezar ‘Pitbull’, ainda nas eleições de 2018, marchou com o apoio à então candidatura a presidente de Jair Bolsonaro e chegou a concorrer no pleito como candidato a deputado federal, conseguindo 2,5 mil votos. Naquela época, o tenente-coronel era filiado ao PMN, ex-partido de Chico Preto. 

No primeiro turno das eleições de 2018, o tenente Cezar ‘Pitbull’ saiu em apoio ao candidato David Almeida (Avante), que tinha com vice Chico Preto, mas, no segundo turno, após Almeida ficar fora da disputa, caminhou com o atual governador Wilson Lima (PSC). 

Lutador de Jiu-Jitsu, o militar posa em fotos nas redes sociais ao lado do presidente Jair Bolsonaro e participou de diversos eventos em apoio ao atual presidente do país, além de levar o discurso de político de ideologia de direita.

 

 

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto:Montagem

Últimas Notícias

“Devemos passar uma borracha no passado” diz Bolsonaro em ato.

Lideranças da direita brasileira e os apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro, que é investigado por tentativa de golpe entre...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!