junho 15, 2024 07:05

Alberto Neto lança pré-candidatura a prefeito e afirma que sentiu o ‘clamor’ da população

spot_img

Em quarto lugar na pesquisa Pontual divulgada na manhã desta sexta-feira, 13, com 5% das intenções de voto, o deputado federal Capitão Alberto Neto oficializou seu desejo de disputar a Prefeitura de Manaus pelo Republicanos, inclusive com as bênçãos do presidente do partido, o também deputado federal Silas Câmara.

Em seu discurso, ele disse que sentiu o “clamor” da população, ao se referir aos números da pesquisa que lhe coloca  entre os primeiros na preferência do eleitorado. “Hoje é o pontapé inicial da nossa pré-candidatura, dos Republicanos, o partido família, do conservador. Essa pesquisa foi um chamado para mim por parte da população”, comentou o deputado.

Na entrevista coletiva, Alberto Neto criticou a ausência de políticas públicas para Manaus, como falta de infraestrutura, saúde, educação e mobilidade urbana, mas não apresentou nenhuma proposta concreta. No entanto, falou sobre política de segurança para a capital amazonense. Ele não descarta, caso seja eleito, de armar a Guarda Municipal.

“Os guardas municipais são agredidos quase que rotineiramente e a prefeitura pode contribuir, com uma guarda municipal bem treinada, armada e cuidando dentro de suas atribuições, nas escolas e postos de saúde”, disse.

Outa proposta do deputado é militarizar as escolas municipais. “Já acontece em alguns Estados, onde podemos usar policiais, ou militares da reserva. O Governo Federal está fazendo isso, e vamos utilizar a mesma proposta para a área municipal, principalmente nas áreas vermelhas”, destacou o pré-candidato.

Sem profissionais

Ao falar sobre propostas de infraestrutura para Manaus, o pré-candidato a prefeito criticou a ‘inexistência’ de profissionais qualificados para atuarem em projetos de engenharia especializada, citando como exemplo a mobilidade urbana.

Conforme o deputado, em Brasília exercendo o cargo na Câmara Federal, ele passa a ter acesso aos melhores profissionais do Brasil. “Na verdade, os profissionais, no caso de Brasília, são os cases de sucesso, de mobilidade urbana, por exemplo”, comentou.

Perguntado se não existem “cases de sucesso” em Manaus, como os profissionais que ele esbarra pelo Distrito Federal, Alberto Neto disse: “Não temos. Se tivesse, eu nem seria candidato.”

Após perceber que havia feito um comentário infeliz, Alberto Neto voltou atrás e disse que “lógico que Manaus têm vários cases de sucesso, grandes profissionais”.

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto: Hariel Fontenelle/O Poder

 

Últimas Notícias

RR: Relatora que irá julgar Denarium é escolhida no TSE

Em parecer enviado ao Tribunal Superior Eleitoral, a Procuradoria-Geral Eleitoral defendeu a cassação do governador de Roraima Antonio Denarium...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!