maio 19, 2024 19:42

Professores cobram da Semed o pagamento de três meses de carga dobrada

spot_img

Denúncias encaminhadas ao Portal O Poder, nesta sexta-feira, 17, trazem informações dos atrasos de pagamentos de cargas dobradas de professores lotados na Secretaria Municipal de Educação (Semed) neste início de ano letivo.

Segundo um professor que pediu o sigilo da fonte por medo de represálias, a secretária de Educação, Kátia Schweickardt, havia se comprometido que os pagamentos seriam feitos, mas até agora sem resposta. “Até pelo fato de hoje estarmos trabalhando mais do que se tivéssemos em sala de aula, pois, tem dia que atendemos pais até meia noite”, disse o educador, que trabalha há 22 anos na rede municipal de ensino.

De acordo com o professor, a informação repassada pela secretaria municipal de educação é que a folha fechou no dia 15 e não tem pagamento relativos à carga dobrada, mas, a perspectiva é que haja uma sinalização em maio, indo para quatro meses de atrasos.

“Fizemos um grupo aqui com mais de 1,5 mil profissionais que estão nessa mesma situação, mas não temos sinalização de pagamentos. Não tem mais como eles pagarem a gente nesse mês, a não ser que a prefeitura crie uma folha extra para o começo de maio”, relatou o educador.

O Sindicato dos Professores e Pedagogos das Escolas Públicas do Ensino Básico de Manaus (Asprom-Sindical), informou que recebeu a denúncia dos atrasos de pagamentos referente à carga dobrada e que vai encaminhar um documento à Semed cobrando estes pagamentos.

Semed explica 

Por meio de nota enviada ao O Poder, a Semed esclareceu que não foi suspenso nenhum pagamento referente à carga dobrada.

“Acontece que, devido à implantação, em março, do regime de teletrabalho nos órgãos do Executivo municipal, o tempo de tramitação de processos foi ampliado, incluindo o que libera o pagamento de cargas dobradas, visto que envolve a apreciação de mais de três órgãos municipais. Mesmo assim, a Prefeitura de Manaus tem feito uma força-tarefa para a agilizar a análise desses documentos, a fim de que sejam publicados, no Diário Oficial do Município (DOM), ainda nas duas últimas semanas de abril. A previsão é pagar a carga, em folha especial, na primeira semana de maio”, ressaltou a pasta.

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto: Divulgação

Últimas Notícias

Lucenildo lidera com triplo de votos em Alvarães, diz Pontual Pesquisas

O Instituto Pontual Pesquisas realizou estudo eleitoral no município de Alvarães (a 530 quilômetros de Manaus) entre os dias...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!