fevereiro 29, 2024 10:54

Do ‘lixo ao luxo’: Edmilson abandona Belém em crise para ir a Dubai

spot_img

O prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, embarcou no início da madrugada desta quarta-feira, 29, com destino a Dubai, onde participará da COP 28 (Conferência de Mudanças Climáticas da ONU).

A viagem rendeu críticas por causa do problema que a cidade vem enfrentando com o lixo (veja vídeo no final da matéria). Um deles, por exemplo, é que o gestor deixou a capital paraense sem ter alguma decisão concreta sobre o local que serão direcionados os resíduos sólidos da Região Metropolitana, uma vez que o prazo de funcionamento do Aterro Sanitário de Marituba está próximo de finalizar.

A ausência de Edmilson está prevista para o período de 28 de novembro a 7 de dezembro. A COP começa nesta sexta-feira, 30, e seguirá até o dia 12 de dezembro.

A viagem, que ainda teve uma conexão em Lisboa (POR) antes de chegar aos Emirados Árabes, foi aprovada e autorizada pela Câmara Municipal de Belém no último dia 22. Em nota ao Grupo Liberal, a Prefeitura de Belém reforçou que passagens e hospedagens não serão custeadas pelo erário público e ressalta a importância de participar do evento, já que Belém sediará a COP 30.

O tema gerou polêmica entre os vereadores da capital paraense. Matheus Cavalcante disse: “Nesse momento, em que a cidade está com tantos problemas sociais, o Edmilson quer passear em Dubai, por mais de uma semana, com tudo pago com o dinheiro do contribuinte e ainda vai receber diária para fazer essa viagem. Ele e a comitiva dele”.

Por outro lado, Mauro Freitas rebateu: “Como é que o prefeito de uma capital em que vai ser realizada a COP 30, não vai a uma cidade importante para olhar e aprender como funciona esse encontro mundial, que é tão importante para a nossa cidade e para o nosso Estado?”.

Prefeitura de Belém reconheceu o problema do lixo na capital

A menos de 10 dias para o término do prazo de funcionamento do Aterro Sanitário em Marituba, que recebe os resíduos sólidos da Região Metropolitana de Belém, nem a prefeitura ou órgãos envolvidos nesse processo manifestaram alguma decisão concreta relacionada a um local para onde serão destinados os resíduos.

Por meio de um comunicado, divulgado no dia 17 deste mês, a Prefeitura de Belém reconheceu o problema do lixo na capital. Além da ausência de um local para destinação do lixo, a gestão municipal confirmou a redução de 50% da equipe que trabalha na coleta de entulho em Belém, sob justificativa de que a medida foi emergencial para evitar maiores danos diante da atual conjuntura financeira do Brasil.

Prefeitura defende viagem a Dubai

Em nota à redação do Grupo Liberal, a Prefeitura de Belém afirma que o prefeito “vai a convite da C-40 Cities (Rede global de prefeitos para enfrentar a crise climática) e do Iclei- Governos Locais pela Sustentabilidade, uma rede global de mais de 2.500 governos locais comprometidos com o desenvolvimento urbano sustentável, com atuação em mais de 125 países. O Iclei vai custear as despesas de passagens e hospedagens do prefeito de Belém”.

Ainda segundo a nota, a participação da Prefeitura de Belém na COP-28 “garante um destaque internacional para a cidade que será sede da COP-30, em novembro de 2025, o que já sinaliza a conquista de recursos para obras de infraestrutura e a atração de investimentos para a geração de renda, emprego e oportunidades para a população da capital paraense”.

A prefeitura observa ainda que Edmilson Rodrigues integrará a programação do evento climático, em Dubai, em vários debates e agendas, incluindo o painel “Belém rumo à COP-30: inclusão e participação popular”, “uma proposta de painel da Prefeitura de Belém aceita pelo Ministério do Meio Ambiente para formar o Pavilhão Brasileiro na COP-28”.

Sobre a comitiva credenciada do prefeito, diz a nota, estão “o coordenador de Relações Internacionais da Prefeitura de Belém, Luiz Arnaldo Campos, que terá a viagem custeada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID); Beatriz de Oliveira, assessora de Relações Internacionais; Christiane Ferreira da Silva, secretária de Meio Ambiente do município de Belém; e Júlia Gietl Gorayeb, chefe do Cerimonial da prefeitura de Belém”. A nota explica ainda que todos os custos contabilizados na viagem serão disponibilizados no Portal da Transparência.

 

Da Redação com informações de O Liberal

Ilustração: Neto Ribeiro/Portal O Poder 

Últimas Notícias

PF realiza operação contra fraudes em benefícios do INSS

A Superintendência da Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira, 29, em Manaus, a Operação Acta Passio, que visa...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!