fevereiro 28, 2024 22:42

Aliados garantem que pedido de empréstimo de Arthur Neto será aprovado nesta quarta

spot_img

Empenhados em aprovar o novo pedido de empréstimo do prefeito Arthur Neto (PSDB), no valor de R$ 300 milhões, em tempo recorde, os vereadores governistas estão pressionando para que as comissões de Justiça e de Finanças da casa se reúnam, conjuntamente, ainda nesta quarta-feira, 11, para votar um parecer à mensagem do Executivo e encaminhá-la à votação em plenário em sessão especial também hoje.

O pedido de autorização do empréstimo chegou à Casa Legislativa na semana passada, e nesta terça-feira, 10, os vereadores aprovaram o pedido de urgência de tramitação do projeto.

A mensagem 002/2020 do Executivo municipal autoriza o Poder Executivo a contratar operação de crédito com o Banco do Brasil, com a garantia da União, no valor de R$ 300 milhões. O valor será destinado ao Projeto de Requalificação Urbana e Viária na cidade, denominado Requalifica 3.

O novo pedido de empréstimo vem a cinco meses após o Executivo municipal receber a autorização de outros dois empréstimos, um de R$ 350 milhões e outro de R$ 250 milhões.

Sem conhecimento

Questionado se a prefeitura já havia recebido, em sua totalidade, os empréstimos anteriores, que juntos somam R$ 600 milhões, o líder do prefeito Arthur Neto na Câmara, vereador Marcel Alexandre (Podemos), disse não ter conhecimento e, acrescentou, que após o pedido de autorização aprovado, o vereador só pode “fiscalizar” a prestação de conta.

O parlamentar disse, ainda, que vai pedir uma sessão especial para votação com urgência do pedido de autorização. “Vou reunir nas comissões para deliberar ainda hoje para quanto antes ser votada. Já pedi sessão especial para votar o projeto nesta quarta-feira”, disse.

Telefonema

O vereador de oposição Chico Preto (DC) afirmou que ligou para o secretário de Finanças, Lourival Praia, que lhe confirmou que a prefeitura já recebeu os R$ 250 milhões financiados em 2019 com o Banco do Brasil para o projeto Requalifica 2.

Quanto aos R$ 350 milhões emprestados na Caixa Econômica Federal, o Município já recebeu uma parcela de R$ 116 milhões, em 2019 e, neste ano, serão pagas duas parcelas de R$ 117 milhões. Esse recurso será aplicado em obras de infraestrutura na cidade.

 

Henderson Martins, para O Poder

Últimas Notícias

Caio André pede harmonia e respeito entre os parlamentares durante sessões da CMM

Durante a Sessão Plenária desta quarta-feira, 28, o presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Caio André (Podemos)...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!