maio 21, 2024 10:32

Carlos Almeida Filho assume PTB em abril com projetos para eleição 2022

spot_img

Fora da disputa eleitoral para a Prefeitura de Manaus, o vice-governador Carlos Almeida Filho se prepara para se fortalecer politicamente para o pleito de 2022, quando o eleitor do Amazonas vai às urnas escolher deputados estaduais, federais, senador e governador.

O primeiro passo é a sua filiação ao PTB, ato que está agendado para 9 de abril, seis dias após encerrar o prazo da “janela partidária” determinada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Automaticamente, Caros Almeida assume a presidência regional da sigla.

Em entrevista exclusiva ao O Poder, o vice-governador enfatizou, ainda, que a proposta é fortalecer o partido, tanto na capital quanto no interior, para chegar a uma conjuntura política robusta nas eleições de 2022.

Voos mais altos

Perguntado se esse planejamento político passava por uma eventual candidatura ao Senado, em 2022, Carlos Almeida disse que permanece vice-governador. “Só se o governador não desejar que não serei mais candidato a vice-governador em 2022”, destacou.

Sobre a vaga que será disputada nas eleições de 2022 para o Senado, que atualmente pertence a Omar Aziz (PSD), o vice-governador ressaltou que o parlamentar é aliado do governo e um “ótimo representante do Amazonas”. “Então, nós não estamos pensando em substituto o senador”, ressaltou.

Quanto a disputa eleitoral em Manaus, Carlos Almeida disse que a impossibilidade de coligação nas candidaturas proporcionas (disputa de cargos para vereadores), faz com que todos os partidos que queiram eleger vereadores, precisem ter cabeça de chapa.

“Essa é uma orientação de todos os partidos. Mas, isso deverá ser feito com cuidado e sempre alinhando com as nossas políticas de governo, até pelo fato de o PTB fazer parte do arco de aliança do governador Wilson Lima”, pontuou.

Segundo o vice-governador, a leitura principal do partido, tanto na capital quanto no interior, é feita com o objetivo de manter a responsabilidade e dever de entrega de políticas públicas, quanto ao elemento político voltado para 2022.

Candidatos

O vice-governador disse que vai esperar o fechamento da “janela partidária” para poder alinhar quantos candidatos deverá lançar nas eleições deste ano. Sobre conversa com outros partidos para as eleições 2020, ele informou que não está tratando desses assuntos.

“As pautas estaduais, como a análise tributária, a questão Zona Franca e coronavírus vêm tomado muito tempo, mas, não quer dizer que não teremos discussões com outros partidos”, disse.

Municipal 

O deputado estadual Saullo Vianna, que assumiu a presidência municipal do partido, disse que a legenda está se organizado para lançar candidatos a prefeitos, vice-prefeitos e vereadores na capital e no interior do Estado.

“Assumimos a função na segunda, e estamos dialogando com possíveis candidatos. Em Manaus, temos nomes para disputar vagas na Câmara e também para a Prefeitura de Manaus. Mas, iremos lançar no evento de filiação que acontece no dia 9 de abril”, disse o parlamentar.

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto: Divulgação/assessoria

Últimas Notícias

Relatório final da CPI da Braskem é aprovado

Foi aprovada, na manhã desta terça-feira, 21, no Senado Federal, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Braskem. O...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!