fevereiro 26, 2024 02:50

Em menos de um mês, AM tem 50 mortes e 981 casos positivos de Covid-19

spot_img

O governo do Amazonas divulgou, na tarde desta sexta-feira, 10, mais 82 casos positivos da Covid-19. Com essa atualização, o Estado chega a 981 casos de pessoas infectadas e 50 mortes no total. Segundo boletim da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), as 10 mortes confirmadas nesta sexta estavam sendo investigadas e ocorreram entre os dias 5 e 9 deste mês.

De acordo com o boletim, do total de pessoas infectadas 863 casos são na capital amazonense e 118 no interior e os municípios de Anori, Maués e Tefé registraram novos casos de pessoas infectadas. No total, além da capital, 16 cidades do interior têm casos positivos da Covid-19.

O boletim informa, ainda, que o maior número de casos continua sendo no município de Manacapuru com 62. Itacoatiara registra 11 casos; Iranduba 11; Santo Antônio do Içá 7; Parintins 6; São Paulo de Olivença 5; Tonantins 3; Careiro da Várzea 2, Presidente Figueiredo 2, Tabatinga 2, Anori 2 e os municípios de Novo Airão, Manicoré, Maués, Boca do Acre e Tefé registram um caso cada.

Segundo a FVS,  665 pessoas com diagnóstico positivo para Covid-19  estão se recuperando em isolamento social. Do total de casos positivos, há 222 internados, sendo 140 em leitos clínicos e 82 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública (45) e da rede privada (37).

Suspeitos

A FVS destaca, ainda, que há outros 219 pacientes suspeitos internados, que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 192 estão em leitos clínicos (81 na rede privada e 111 na rede pública); e 27 estão em UTI (16 na rede privada e 11 na rede pública). Ao todo, 44 pacientes estão fora do período de transmissão.

Mortes

Foram confirmados mais 10 mortes pela FVS, o que eleva o número de casos para 50. Segundo a FVS, os novos casos são de uma mulher de 53 anos, com histórico de diabetes, um homem de 70 anos, sem histórico de comorbidades, um homem de 58 anos, portador de doença cardiovascular, um homem de 92 anos, com histórico de diabetes, doença cardiovascular e tuberculose; e uma mulher de 51 anos, portadora de diabetes, doença cardiovascular e hipertensão.

 

Da Redação O Poder

Com informações da FVS

Foto: Divulgação 

Últimas Notícias

“Devemos passar uma borracha no passado” diz Bolsonaro em ato.

Lideranças da direita brasileira e os apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro, que é investigado por tentativa de golpe entre...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!