fevereiro 23, 2024 05:55

RR: Denunciado por tráfico, presidente da Câmara de BV afirma ser vítima de armação política

Roraima – Denunciado por tráfico de drogas no dia 15 dezembro pelo Ministério Público de Roraima (MPRR), o presidente da Câmara Municipal de Boa Vista, Genilson Costa (SD), afirma ser vítima de uma grande armação política. O parlamentar foi alvo da operação Tâtanos, deflagrada pela Polícia Federal em 2022.

Nas redes sociais na noite desta segunda-feira, 18, o parlamentar afirma que a suposta armação política tem objetivo de manchar seus anos de carreira política.

“Vou rebater cada uma na Justiça e provarei minha inocência. Na própria operação policial em que fui alvo, em abril de 2022, a Polícia Federal não achou nada ilícito. Também causa estranheza a publicação de um processo sigiloso”, disse.

Em seguida, Costa garante que a história dele na Câmara Municipal de Boa Vista comprovaria sua atuação antidrogas, com projetos de lei e campanhas.

Genilson Costa finaliza afirmando que jamais cometeu ato ilegal e que zela pelo compromisso com o cargo que ocupa e tem base familiar muito forte. “Tudo será resolvido de forma harmoniosa e que nada tenho a temer”, conclui.

Tânatos 

As investigações iniciaram em dezembro de 2020 quando um dos denunciados foi preso com mais de 50 kg de skunk na entrada de Boa Vista. A carga foi avaliada em cerca de R$ 5 milhões. Após análise de dados de aparelhos celulares, foi verificado que, para realizar a logística de compra, transporte, venda e recebimento de altos valores, o suspeito preso em flagrante estava associado a mais sete homens, incluindo o presidente da Câmara de Boa Vista, para a execução da empreitada criminosa.

Em uma das conversas verificadas no celular, um dos denunciados afirmou que R$ 1,5 milhão do montante proveniente do carregamento de droga seria destinado ao vereador “para ajudar na briga pela mesa”, em referência à disputa pela mesa diretora da Câmara Municipal na época.

Segundo a denúncia, mesmo após a prisão do homem que transportou o carregamento de droga, o grupo criminoso continuou a atuar na venda de entorpecentes em Roraima, inclusive com negociações realizadas dentro do gabinete do vereador na Câmara Municipal de Boa Vista.

Foto: Divulgação 

Últimas Notícias

Wilson Lima participa da posse do “itacoatiarense” Flávio Dino no STF

O governador do Amazonas, Wilson Lima, esteve presente na posse de Flávio Dino no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!