abril 20, 2024 21:31

TRE-AM cassa mandato de vereador Peixoto, que deve deixar CMM

spot_img

Depois de suspender o julgamento do processo que iniciou no dia 20 de fevereiro, a pedido do desembargador Fabrício Frota Marques, para que pudesse adequar o voto, o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) decidiu dar continuidade ao parecer nesta terça-feira, 12, e cassou o mandato do vereador Antônio Peixoto (Agir).

A medida foi adotada por causa do processo 060165889.2020.6.04.0001, movido pelo ex-vereador Isaac Tayah e o Partido Democracia Cristã, contra as candidaturas consideradas “laranjas” do Agir (antigo Partido Trabalhista Cristão (PTC), referente às eleições municipais de 2020. De acordo com o processo, a sigla é acusada de praticar fraude à cota eleitoral de gênero de 30% de candidaturas femininas obrigatórias.

Em nota publicada nas redes sociais, o vereador Peixoto informou que irá entrar com Recurso para buscar suspender o efeito imediato da decisão.

 

 

Augusto Costa, para O Poder

Ilustração: Neto Ribeiro

Últimas Notícias

Lançamento da pré-candidatura de Maria do Carmo tem participação de Dallagnol

A pré canditada Maria do Carmo Seffair oficializou neste sábado (20) a sua candidatura a prefeitura de Manaus. O...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!