maio 21, 2024 10:00

Leitores de O Poder, denunciam campanha antecipada e doação de marca texto por pré-candidato a vereador

spot_img

O ex-titular da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer e pré-candidato a vereador de Manaus pelo Republicanos, João Carlos Mello, está praticando campanha antecipada dentro de igrejas e distribuindo marcadores de texto com sua imagem estampada para fiéis utilizarem quando estiverem lendo suas bíblias, segundo denúncias encaminhadas ao Portal O Poder por leitores na tarde desta sexta-feira, 4.

Segundo as fontes, que pediram para terem os nomes preservados, João Carlos Mello está realizando reuniões até dentro de igrejas e distribuindo o marca texto.

Segundo a lei das eleições, “são vedadas na campanha eleitoral confecção, utilização, distribuição por comitê, candidato, ou com a sua autorização, de camisetas, chaveiros, bonés, canetas, brindes, cestas básicas ou quaisquer outros bens ou materiais que possam proporcionar vantagem ao eleitor, respondendo o infrator, conforme o caso, pela prática de captação ilícita de sufrágio, emprego de processo de propaganda vedada e, se for o caso, pelo abuso de poder (Lei nº 9.504/1997, art. 39, § 6º; Código Eleitoral, arts. 222 e 237; e Lei Complementar nº 64/1990, art. 22)”.

O Portal Poder entrou em contato com o pré-candidato, João Carlos Mello, que afirmou não estar realizando reuniões dentro de igrejas, não está distribuindo brindes e não deu autorização para nenhuma mandar confeccionar e distribuir.

O advogado de João Mello, Júlio Pedro, também reforçou que tem orientado e acompanhado o pré-candidato e que as denúncias recebidas pelo O Poder são mentiras.

Confira as imagens: 

 

Álik Menezes, para O Poder

Foto: Reprodução 

Últimas Notícias

Relatório final da CPI da Braskem é aprovado

Foi aprovado na manhã desta terça-feira, 21, no Senado Federal, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Braskem. O...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!