março 5, 2024 01:07

Coronavírus: Estado e Município suspendem aulas e eventos públicos por 15 dias

spot_img

Setenta e duas horas depois de o Amazonas confirmar o primeiro caso de coronavírus no Estado e, inclusive, da região Norte, governo e Prefeitura de Manaus oficializaram a situação de emergência na região e anunciaram novas medidas preventivas para evitar o avanço do Covid-19 no Estado.

Entre as medidas, governo e prefeitura anteciparam as férias escolares por um período de 15 dias, até o final deste mês.

O governador Wilson Lima (PSC) assinou, na tarde desta segunda-feira, 16, um decreto de Situação de Emergência na saúde pública no Estado, que determina a suspensão no prazo de 15 dias, de todos os eventos públicos e das aulas das escolas públicas da capital. No interior, as aulas não terão alterações por conta do risco ser menor, segundo Wilson.

O decreto inclui ainda suspensão de servidores do Estado em evento ou viagens, e férias, previstas até o dia 15 de maio. Servidores públicos como, gestantes, lactantes e portadores de doenças crônicas comprovadas, poderão exercer suas atividades trabalhistas de casa.
Município também reage
Também nesta segunda-feira, 16, o prefeito de Manaus Arthur Neto (PSDB) decretou a antecipação das férias dos alunos das 500 escolas municipais, com início nesta terça-feira, 17, até o dia 31 de março.
Arthur anunciou ainda a suspensão da emissão de Carteiras de Trabalho física realizadas pelo Sine Manaus.

 

Arthur Neto
Prefeito Arthur Neto (PSDB)
Órgãos públicos
O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Mario Mello, estabeleceu que os servidores do órgão que tem a partir de 60 anos estão dispensados do trabalho, pelos próximos 15 dias. Os demais funcionários que estiverem em viagem ou retornando de países com circulação viral também deverão se manter em isolamento.
A Secretaria de Estado de Administração Penitenciário (Seap) determinou a suspensão das visitas em todas as unidades prisionais do Estado, por tempo determinado, que se iniciou no sábado, dia 14, e seguirá até o dia 31 deste mês.

Ericles Albuquerque, para O Poder

Com informações assessoria

Foto: Divulgação

Últimas Notícias

Projeto de Caio André que beneficia atletas de jiu-jítsu avança na CMM

O Projeto de Lei nº 145/2023, que busca isentar a taxa de inscrição em eventos esportivos para atletas praticantes...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!