junho 15, 2024 07:24

Sessões da Câmara Municipal de Manaus serão semanais por videoconferência

spot_img

Os vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM), retomam as pautas de votação na segunda-feira, 30, por meio de videoconferência. A medida foi implementada para evitar as reuniões em plenárias e a aglomeração de pessoas, de forma a prevenir o contágio do Coronavírus (Covid-19).

De acordo com presidente da casa, vereador Joelson Silva (PSDB), o sistema é parecido com o implantando na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). O parlamentar afirmou que as reuniões ordinárias virtuais vão acontecer pelo menos uma vez na semana, durante o período de vigência do ato da mesa diretora que suspendeu as sessões presencias, em decorrência da pandemia do coronavírus.

“Mas, as sessões extraordinárias poderão ocorrer, a qualquer tempo, desde que haja matérias relacionadas à pandemia, que precisem ser deliberadas, em caráter de urgência. Sempre por meio de videoconferência”, ressaltou Joelson.

Na quarta-feira, 25, os vereadores fizeram a primeira reunião virtual e deliberaram cinco projetos. Entre eles, o que dispõe sobre a divulgação de informações referentes à aplicação de recursos derivados de multas de trânsito aplicadas em Manaus, de autoria do vereador Reizo Castelo Branco (PTB).

O que trata sobre habilitação referente ao conhecimento de normas técnicas para manipulação de alimentos e o que dispõe sobre o turismo pedagógico nas escolas da rede municipal de ensino, ambos de autoria do vereador Gedeão Amorim (MDB).

Foi deliberado ainda a proposta de Joelson Silva, que reconhece a música gospel e os eventos a ela relacionados como manifestação cultural da cidade de Manaus, além do que institui o Dia Municipal de Oração, do vereador André Luiz (PTC).

Os vereadores deliberam, ainda, proposta de lei que institui no calendário oficial da cidade de Manaus, o Mês de Conscientização e Inclusão Social das Pessoas com Deficiência, denominado “Setembro Verde”, de autoria do vereador Professor Fransuá (PV).

Os vereadores também deliberaram o Projeto de Emenda à Lomam nº 1, proposto pelo vereador David Reis (PV), que acrescenta o parágrafo 5º ao Artigo 261 da Lei Orgânica do Município, que trata sobre isenção de tarifa no transporte coletivo urbano.

Online

Acessando remotamente o sistema de processos legislativo, os vereadores puderam registrar presença, acessar os PLs em análise e deliberar, seguindo o mesmo rito adotado nas sessões presenciais.

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto: Dircom/CMM

Últimas Notícias

RR: Relatora que irá julgar Denarium é escolhida no TSE

Em parecer enviado ao Tribunal Superior Eleitoral, a Procuradoria-Geral Eleitoral defendeu a cassação do governador de Roraima Antonio Denarium...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!