abril 18, 2024 15:59

MPAM investiga presidente da Câmara de Autazes por possível registro de babá na folha de pagamento

spot_img

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) abriu Inquérito Civil para investigar o presidente da Câmara Municipal de Autazes (CMA), o vereador Marcley Lima de Araújo (PSC) e sua esposa Alvina Tupinambá, que teriam nomeado Iriane Gomes, a sua babá, como servidora da Câmara Municipal.

De acordo com o processo, Iriane Gomes foi nomeada sem que a mesma tivesse concordado, além de terem realizados saques na sua conta, sendo que Iriane nunca recebeu quaisquer valores, podendo haver em tese corrupção e improbidade, além de outros delitos.

Por determinação do Promotor de Justiça, Carlos Firmino Dantas, o vereador Marcley Araújo e sua esposa Alvina Tupinambá sejam notificados, em datas diferentes, para prestar esclarecimentos na Promotoria de Justiça, a respeito dos fatos citados na manifestação, em 15 dias.

Determinou ainda que seja notificado o gerente do Banco Bradesco para comparecer a está Promotoria de Justiça, com intuito de participar de uma reunião de forma presencial, sobre os assuntos da Portaria e sobre a não resposta aos ofícios enviados, entre outras.

 

Augusto Costa, para O Poder

Foto: Reprodução

Últimas Notícias

Wilson Lima e Omar Aziz prestigiam abertura de conferência de Ciência, Tecnologia e Inovação

A abertura da etapa Norte da 5ª Conferência Regional de Ciência, Tecnologia e Inovação, organizada pelo ministério da área,...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!