julho 13, 2024 09:16

Osvaldo Cardoso é investigado pelo MPAM

spot_img

O ex-diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Osvaldo Cardoso Neto, está sendo investigado pelo Ministério Público do Amazonas (MPAM). O órgão, por intermédio da Portaria nº 0020/2024/79PJ, abriu Inquérito Civil para apurar supostas irregularidades na celebração e execução do Contrato nº 053/2023/Manauscult, referente ao serviço de locação de equipamentos de sonorização.

De acordo com a medida, além de Osvaldo Cardoso, diretor-presidente da Manauscult à época, também está sendo investigado Francisco Emerson Menezes de Almeida, sócio da Arsenal Serviços e Produções de Eventos Ltda.

O MPAM requisitou a Manauscult cópia, em formato PDF, da programação de eventos do Festival Folclórico de Bairros que serão realizados com a locação de equipamentos de sonorização da Arsenal Serviços e Produções de Eventos Ltda, no ano de 2024, em cumprimento ao contrato nº 053/2023/Manauscult.

 

 

Augusto Costa, para O Poder

Foto: Reprodução

Últimas Notícias

Silas, Dan e Joelson, são multados pelo TRE-AM

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) realizou o Cumprimento de Sentença (156) nº 0602254-08.2022.6.04.0000, referente a Representação por...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!