junho 15, 2024 07:52

No início dos trabalhos legislativos na Aleam, Roberto Cidade agradece o número de vereadores

spot_img

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), Roberto Cidade (União Brasil), se surpreendeu no início dos trabalhos da Aleam) ocorrido na manhã desta quinta-feira, 1º de fevereiro, com o número de 13 vereadores que participaram da solenidade de abertura quando o governador Wilson Lima (União Brasil) fez a leitura da Mensagem Governamental, com as metas ações e prioridades da administração estadual.

É normal os vereadores prestigiarem o inicio das atividades parlamentares estaduais, mas esse ano em especial, uma possível candidatura de Roberto Cidade a prefeitura de Manaus, pode ter influenciado os vereadores a comparecer a Aleam. De acordo com os bastidores e o movimento das peças do tabuleiro político, Roberto Cidade começa o ano com sinalização de um apoio expressivo dos vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM), para o pleito de 2024.

Entre os vereadores que foram a Aleam estão: o presidente da CMM, Caio André, Jaildo Oliveira, Daniel Vasconcelos, Everton Assis, Allan Campelo, Diego Afonso, Bessa, Glória Carrate, Yomara Lins, Thaysa Lippy, Lissandro Breval, Raiff Matos e João Carlos.

Tempo de TV e fundo partidário

Numa eventual candidatura a prefeitura de Manaus, Roberto Cidade, poderá ter quase o dobro do tempo de TV e fundo partidário em comparação ao seu futuro adversário, o atual prefeito David Almeida (Avante).  Este pode ser um dos motivos de Roberto Cidade estar sendo tão ‘cortejado’ pelos vereadores.

De acordo com o estudo preliminar para prefeito de Manaus no pleito deste ano, Roberto Cidade do União Brasil que deve ter o apoio do PP, Republicanos, Podemos, PSB e PRD,  somando todos os tempos dos partidos, terá mais de 15:03,6 minutos diários nos programas políticos na televisão, caso seja confirmada esse agrupamento político. Além de ter o total de inserções de 30 segundos por dia.

Já David Almeida que será acompanhado além do Avante, pelos partidos MDB, PSD e Solidariedade, vai ter o tempo diário de TV no programa eleitoral de 8:16,3 minutos e um total 16,5 segundos de inserções de 30 segundo por dia.

Augusto Costa, para O Poder

Foto: Reprodução

Últimas Notícias

RR: Relatora que irá julgar Denarium é escolhida no TSE

Em parecer enviado ao Tribunal Superior Eleitoral, a Procuradoria-Geral Eleitoral defendeu a cassação do governador de Roraima Antonio Denarium...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!