abril 18, 2024 23:06

Pela terceira vez, secretário de David Almeida critica base do governo

spot_img

Pela terceira vez consecutiva, um secretário da gestão do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), agiu pelo impulso e criticou a base do governo do Estado. Desta vez, foi o titular da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), Wanderson Costa.

O secretário questionou a administração do presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado estadual Roberto Cidade (União Brasil), durante entrevista no programa da Lomittas, na segunda-feira, 4, na Rede Onda Digital. O parlamentar é do grupo do governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), além de ser do mesmo partido, e, este ano, vai comandar o Diretório Municipal do União Brasil.

Wanderson Costa criticou, durante a entrevista, que Roberto Cidade precisa fazer o seu trabalho de legislador e não tem como querer trabalhar em duas esferas sem antes cuidar da sua. “Eu preciso dizer que, se eu fui convocado e chamado pela população para ser legislador ,eu preciso cuidar da minha esfera de atuação. Eu fui convocado para ser secretário de Agricultura e trabalho na minha esfera, com execução efetiva para aquilo que eu fui chamado. Manaus e o Amazonas precisam ver as ações de Roberto Cidade não somente na capital, mas também no Amazonas”, alfinetou.

Na avaliação do secretário municipal, as pessoas ainda não conhecem o trabalho e nem o que, de fato, faz Roberto Cidade.

Vereadores

O subsecretário de Administração de Manaus, Júnior Nunes, foi o primeiro a se manifestar, em entrevista em fevereiro, também no programa da Lomittas, sobre a relação entre o Executivo Municipal e o governo do Estado.

“Os vereadores que são, hoje, oposição, são da base do governador”, disse à época, ao criticar a atuação dos parlamentares da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e da Aleam.

Júnior Nunes afirmou, ainda, que David Almeida sofre perseguição na Aleam, enquanto Wilson Lima não tem o mesmo tratamento dos parlamentares da CMM, o que torna a situação bem dividida.

Amom 

Já o Secretário Municipal de Trabalho e Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), Radyr Júnior, afirmou em fevereiro, em entrevista à Rede Onda Digital, durante o programa da Lomittas, que o deputado federal Amom Mandel (Cidadania) “não tem como liderar a cidade de Manaus”, se referindo ao lançamento da pré-candidatura a prefeito de Manaus. Ele também criticou Roberto Cidade.

“Acho que o Amom, assim como o Roberto Cidade, tem seus direitos políticos resguardados, mas ele precisa não só caminhar pela cidade, criticando os pontos de Manaus que tem muitos problemas, o que é segredo para ninguém. Mas, ele deveria amadurecer um pouco e não tumultuar o processo”, enfatizou.

 

 

Da Redação O Poder

Imagens: Reprodução

Últimas Notícias

Wilson Lima e Omar Aziz prestigiam abertura de conferência de Ciência, Tecnologia e Inovação

A abertura da etapa Norte da 5ª Conferência Regional de Ciência, Tecnologia e Inovação, organizada pelo ministério da área,...

Mais artigos como este

error: Conteúdo protegido!!